quinta-feira, 28 de maio de 2009

10 MITOS dos manuais de sobrevivência

Dez mitos mais comuns que te podem matar...

Se você estiver em alguma situação de emergência e fizer algo que ouviu de alguma fonte dúbia, poderá não ter chance de contar a sua história.

1 -Mito: Se perdido num deserto, pode tirar água de um cacto.

Realidade: As chances é que não vai ser possível tirar mais do que algumas gotas, e serão amargas e pode levar a cólicas e vómitos.

2- Mito: Se atacado por um tubarão, dê um soco no nariz (do tubarão).

Realidade: Você tem mais chances de magoar a sua mão do que o tubarão.
Ao invés disso, ataque-o ferozmente nos olhos e nas brânquias com algo pontudo ou cortante, de preferência.

3- Mito: Durante um terremoto, o lugar mais seguro é o batente da porta.
Mito alternativo: Durante um terremoto crie um “triângulo da vida” se encolhendo ao lado de um objecto grande que irá comprimir levemente, deixando um espaço vazio sobre si e os escombros.

Realidade: Ficar no batente da porta poderia ser a melhor solução em construções antigas, onde o batente de madeira, era o ponto mais forte da casa. Mas nos apartamentos modernos, esta parte da porta é a mais fraca do lugar.
O “triângulo da vida” só é aplicável em casas com o telhado plano que caem directamente.

4- Mito: Se uma bomba disparar, ligue para o 190.

Realidade: Evite usar telefone ou telemóvel num raio de 400m de um possível ataque com bomba, pois isto pode accionar um dispositivo secundário.

5- Mito: Se mordido por uma cobra venenosa, chupe o veneno para fora, ou, corte um X sobre a mordida, para deixar o veneno sair.

Realidade: Você não vai poder chupar ou cortar o ferimento rápido o basante para evitar que o veneno se espalhe. Além disso, colocar o veneno na boca, só irá criar um novo caminho de entrada para o veneno caso você tenha uma afta ou gengivite.
O ideal é manter o local abaixo do nível do coração e procurar o serviço de emergência.

6- Mito: Num incêndio eléctrico, desligue o aparelho imediatamente.

Realidade: Tocar o aparelho pode levar a electrocução. Deve desligar-se o disjuntor de energia, antes de ligar para a emergência.

7- Mito: Guarde um galão de água por pessoa por dia suficiente para três ou sete dias na garagem ou porão.

Realidade: Isso é um facto.
No entanto, muitas pessoas guardam a água num ambiente com chão de cimento.
Deixar os galões de plástico em contacto com o cimento durante muito tempo pode gerar uma reação química que contamina a água.

8- Mito: Se esfaqueado ou empalado por algo, remova o objecto imediatamente.

Realidade: Deixe o objecto, ligue para a polícia e evite que o objecto se mova, o máximo possível. A não ser que o objecto esteja bloqueando as vias respiratórias.

9. Mito: Para sobreviver no tempo frio, é possível comer neve ou gelo.

Realidade: Comer grande quantidade de neve vai baixar a temperatura corporal, vai gastar energia e pode estar contaminada. Além de poder congelar o esòfago e o estômago.
Uma solução seria derreter a neve, ferver, esperar esfriar e então beber.

10- Mito: Orar não ajuda.

Realidade: Um estudo com sobreviventes mostrou que um traço que possuem em comum é a oração, mesmo que não acreditem em deus.
A oração ajuda a organizar os pensamentos e manter a mente focada.

Fonte: Pdf

2 comentários:

nuh disse...

Alguém acreditava na do tubarão?

Curiosidades disse...

Nossa, muito interessante.